Família de Di María é feita refém durante partida do PSG

Jogador foi informado da situação no intervalo da partida pelo diretor esportivo do clube, Leonardo, e foi substituído às pressas; situação semelhante aconteceu com o zagueiro Marquinhos

  • Por Jovem Pan
  • 14/03/2021 22h00 - Atualizado em 15/03/2021 18h23
Ian Langsdon/EFEJogador deixou a partida no intervalo após ser informado do crime

A família do jogador argentino Angel Di María foi feita de refém durante um assalto à casa do meia durante uma partida da sua equipe, o Paris-Saint Germain, contra o Nantes. De acordo com a RMC Sports, o jogador foi informado da situação no intervalo da partida pelo diretor esportivo do clube, Leonardo, e foi substituído às pressas, sendo vistos deixando o estádio sozinho antes do fim da partida. O jornal espanhol Marca informou que a família de Di María havia chegado à residência momentos antes da invasão. Segundo a imprensa, o conteúdo do cofre da casa foi levado pelos assaltantes. Um caso semelhante aconteceu com o zagueiro brasileiro Marquinhos, que viu a casa de seus pais ser invadida por criminosos. Ao contrário de Di María, Marquinhos teria descoberto o incidente apenas depois da partida, ao lado do restante do elenco, que, segundo os veículos de imprensa europeus, ficou chocado com os episódios. Até o momento, o PSG não se pronunciou oficialmente sobre os casos.