Fred será julgado pelo STJD por agressão e pode voltar a jogar só em 2022

A denúncia tem como base o lance envolvendo o centroavante com Ronald, do Fortaleza, em partida disputada no dia 6 de outubro, pela rodada 24 do Campeonato Brasileiro

  • Por Jovem Pan
  • 21/10/2021 13h06
ANDRE MELO ANDRADE/IMMAGINI/ESTADÃO CONTEÚDO Fred será julgado pelo STJD e pode pegar 12 jogos de gancho Fred será julgado pelo STJD e pode pegar 12 jogos de gancho

O Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) denunciou o atacante Fred, do Fluminense, por agressão física e ato desleal nesta quinta-feira, 21. A denúncia tem como base o lance envolvendo o centroavante com Ronald, do Fortaleza, em partida disputada no dia 6 de outubro, pela rodada 24 do Campeonato Brasileiro. Como punição, o experiente jogador pode pegar um pesado gancho de 15 partidas, o que encerraria a temporada do atleta de maneira antecipada. Isto porque Fred será julgado na sexta-feira, 29, quando Tricolor das Laranjeiras terá somente mais 11 jogos neste ano, sendo todos válidos pelo Brasileirão.

No lance em questão, Fred acertou o pescoço do adversário após tentativa do rival de lhe dar um “chapéu”, quando o Fluminense já perdia por 2 a 0. Irritado, o atacante ainda tentou erguer Ronald do chão o puxando pela camisa. O árbitro da partida, então, deu apenas um cartão amarelo, mas o jogador de 38 anos acabou sendo denunciado por prova de vídeo. “A Procuradoria ressalta que a produção da prova de vídeo é prevista no artigo 65 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), o que justifica a presente denúncia, além de destacar que os atos praticados pelo denunciado Fred quase ocasionaram uma confusão generalizada no campo de jogo, sendo necessária a intervenção da arbitragem para conter os ânimos acirrados”, informou o STJD.