Nos pênaltis, Villarreal supera Manchester United e é campeão da Liga Europa

Depois de 21 cobranças, De Gea chutou no cantinho e o goleiro Rulli fez a defesa, entregando o primeiro título internacional ao Submarino Amarelo

  • Por Jovem Pan
  • 26/05/2021 19h06 - Atualizado em 26/05/2021 21h15
EFE/Kiko HuescaJogadores do Villarreal comemoram com o goleiro Rulli a defesa da vitória

A final da Liga Europa 2020/21 entre Manchester United e Villarreal foi emocionante. Com a partida sendo disputada em Gdansk, na Polônia, as duas equipes lutaram até o fim pelo caneco. No tempo normal quem abriu o placar foram os espanhóis com Gerard Moreno aos 29 minutos aproveitando uma alçada na aérea. No início do segundo tempo, Edinson Cavani aproveitou rebote do goleiro Rulli e empatou a partida. Apesar de bem disputado, o jogo não saiu do empate e foi para a prorrogação. Com os times inteiros, o tempo adicional ficou mais truncado no meio do campo e não teve grandes chances de gol para nenhum dos lados. Sendo assim, a decisão da Liga Europa foi para os pênaltis. As primeiras cinco cobranças foram todas convertidas. Nas alternadas ninguém queria entregar o jogo até que depois de 21 cobranças, De Gea foi para a marca da cal, chutou no cantinho e o goleiro Rulli defendeu, dando o primeiro título internacional ao Villarreal. No banco de reservas, o técnico Unai Emery fez história conquistando seu quarto título da competição em cinco finais possíveis, se tornando o maior vencedor entre treinadores.