Presidente do PSG cutuca Mbappé durante apresentação de Lionel Messi; confira

Na coletiva de imprensa desta quarta-feira, Nasser Al-Khelaifi também garantiu que ‘todos os cuidados foram tomados’ para não descumprir a regra do fair play financeiro com a chegada do argentino

  • Por Jovem Pan
  • 11/08/2021 10h44 - Atualizado em 11/08/2021 10h46
Reprodução/Twitter/@PSG_InsideNasser Al-Khelaifi, presidente do PSG, ao lado de Messi

Presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al-Khelaifi tratou de dar uma pequena cutucada no atacante Kylian Mbappé durante a apresentação de Lionel Messi, nesta quarta-feira, 11, no Parque dos Príncipes. Questionado sobre a renovação do contrato do francês, que tem vínculo somente até a metade de 2022, o mandatário disse que com a chegada no argentino “não há mais desculpa” para prolongar o assunto. “Acho que agora todos já sabem o futuro de Mbappé. Ele é parisiense, tem uma mentalidade que busca a vitória. Ele já disse que está feliz com essa chegada e disse que queria um time competitivo. Agora não há desculpa para mais nada”, afirmou o dirigente.

O futuro de Mbappé, artilheiro das últimas duas temporadas do PSG, ainda é indefinido. O atacante tem mais um ano de contrato e ainda não decidiu se renovará – em tese, a joia poderá assinar pré-contrato com outro time no fim do ano. Existe, porém, um grande interesse do Real Madrid em contratá-lo. O atleta, por sua vez, também já manifestou, em várias ocasiões, a vontade de defender as cores da equipe espanhola. O meia Tony Kroos, um dos pilares do Real Madrid, chegou a afirmar que o atacante seria contratado. “Não me surpreenderia se Mbappé chegasse até o final do mês”, disse o jogador ao jornal alemão Bild.

Na coletiva de imprensa desta quarta-feira, Nasser Al-Khelaifi também garantiu que “todos os cuidados foram tomados” para não descumprir a regra do fair play financeiro com a chegada do argentino. “Nós seguimos toda a regulamentação para as negociações. Sempre mantemos o fair play financeiro, as regras, falamos com as pessoas do mundo jurídico, financeiro. Fizemos tudo com o maior cuidado, para saber se teríamos essa capacidade. Não queríamos prometer algo que não pudéssemos cumprir. Não podemos olhar o lado negativo, mas os aspectos positivos que chegam ao clube. Todo o trabalho nas redes sociais e as mudanças na estrutura. Do ponto de vista comercial, nosso clube está se preparando muito para isso”, disse o presidente do PSG, que ainda fez uma brincadeira com Messi. “Esperamos que o Leo não peça um aumento de salário, senão ficará difícil para o clube (risos). Mas estamos estudando todos os detalhes do ponto de vista financeiro, estamos cuidando de tudo”, afirmou.