PSG oficializa acordo com Messi até 2023: ‘Novo diamante’

Em vídeo postado nas redes sociais, o clube francês informou que o vínculo do argentino será válido por duas temporadas, ou seja, até a metade de 2023, podendo renovar por mais uma

  • Por Jovem Pan
  • 10/08/2021 17h34 - Atualizado em 10/08/2021 17h59
Reprodução/PSGLionel Messi foi anunciado como novo reforço do PSG nesta terça-feira, 10

O Paris Saint-Germain oficializou na tarde desta terça-feira, 10, Lionel Messi como novo reforço. Em vídeo postado nas redes sociais, o clube francês informou que o vínculo do argentino será válido por duas temporadas, ou seja, até a metade de 2023, podendo renovar por mais uma. Na publicação, a agremiação parisiense também revela que o astro vestirá a camisa de número 30 – vale lembrar que Neymar é responsável por usar a 10. O atacante, que deixou o Barcelona após 21 anos e se emocionou muito em sua despedida, concederá uma entrevista coletiva às 6 horas (de Brasília) desta quarta-feira, 11, onde responderá perguntas da imprensa e conhecerá melhor o Parque dos Príncipes.

“Estou impaciente para começar um novo capítulo da minha carreira em Paris. O clube e a sua visão estão em perfeita harmonia com as minhas ambições. Eu sei o quão talentosos os jogadores e a equipe são aqui. Estou decidido a construir, ao lado deles, algo grande para o clube e para os torcedores. Mal posso esperar para pisar no gramado do Parque dos Príncipes”, disse Messi, em comunicado publicado pelo clube. Presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi também comemorou o desfecho. “Estou muito satisfeito por Lionel Messi ter escolhido ingressar no Paris Saint-Germain e estamos orgulhosos de recebê-lo em Paris, com sua família. Ele não escondeu o desejo de continuar a evoluir ao mais alto nível e de ganhar troféus. A ambição do clube é obviamente idêntica. A adição de Leo à nossa equipe de classe mundial confirma a relevância e o sucesso de nosso recrutamento. Junto com nosso grande treinador e sua equipe, espero ver nossa equipe fazer história para todos os nossos torcedores ao redor do mundo.”

De acordo com diversos veículos de informação europeus, Messi receberá 35 milhões de euros (R$ 214 milhões) líquidos por ano, com bônus incluídos. As cifras estratosféricas colocariam o argentino no nível salarial de Neymar, representando o único investimento do PSG na contratação. A negociação começou logo após o Barcelona anunciar que não teria condições de renovar com o jogador por motivos financeiros, na última quinta-feira, 5. Com os rumores crescendo dia a dia, o acerto foi “anunciado” pelo pai do craque. Logo na sequência, Neymar deu as boas-vindas ao antigo companheiro através do Instagram, e o clube francês passou a fazer diversas postagens com referências ao seis vezes melhor do mundo.

Considerado um dos melhores jogadores de todos os tempos, Messi chegou ao Barcelona com 13 anos de idade, passou pelas categorias de base do catalão e estreou como atleta profissional em 2004. Desde então, o gênio conquistou quatro vezes a Liga dos Campeões, três vezes o Mundial de Clubes e dez vezes o Campeonato Espanhol, além de outros títulos de menor expressão. Ao todo, ele marcou 672 gols e anotou 268 assistências em 778 jogos oficiais com a camisa do Barça. Agora, ele chega ao Paris Saint-Germain para formar uma equipe galáctica. Além do antigo amigo Neymar, o argentino terá a companha de Kylian Mbappé, Ángel Di María, Sergio Ramos, Marquinhos, Gianluigi Donnarumma, Verratti, Wijnaldum e várias outras estrelas. O objetivo do elenco será ganhar o título inédito da Liga dos Campeões.