Zidane explica ausência de Bale em Manchester City x Real Madrid: ‘Ele preferiu não jogar’

O time espanhol precisa marcar, no mínimo, dois gols para avançar às quartas de final da Liga dos Campeões

  • Por Jovem Pan
  • 07/08/2020 12h26
EFEBale ao lado de Benzema durante partida do Real Madrid

O Real Madrid surpreendeu ao não relacionar Gareth Bale para o confronto de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, diante do Manchester City, no Etihad Stadium, marcado para esta sexta-feira, 7. Em entrevista coletiva, o treinador Zinedine Zidane afirmou que respeita muito o galês e resumiu a ausência do atacante explicando que ele preferiu não ser convocado para a decisão. “Vou explicar, porque afinal se dizem muitas coisas. Temos uma relação de respeito entre treinador e jogador, isso é claro. O único que se pode dizer é que ele preferiu não jogar, nada além disso. O resto é entre mim e ele, uma conversa entre jogador e técnico que não vou contar. Respeito muito o Bale. As coisas de vestiário devem ficar dentro do vestiário”, comentou o técnico francês.

O time madrileno tem a difícil missão de superar o City em solo inglês. Na partida de ida, realizada na Espanha, ainda antes da paralisação devido à Covid-19, o time de Manchester venceu o confronto por 2 a 1. Desta forma, o Real precisa, ao menos, marcar duas vezes para avançar às quartas de final da Champions League.

“Estamos em desvantagem e sabemos disso. Mas também sabemos que vai ser um outro jogo. Temos noção do que passou na ida, mas agora é a volta e estamos concentrados. Uma eliminatória nunca termina antes o último minuto. Sabemos o que temos que fazer dentro de campo, e tenho uma equipe com suas próprias armas. Temos que pensar em avançar de fase”, completou Zidane.