Palmeiras afasta Patrick de Paula e condena festa em meio à pandemia: ‘Inadmissível’

Em nota, o clube afirmou que irá lidar com o caso do jogador da mesma maneira que tratou o incidente envolvendo Lucas Lima, que também furou as restrições impostas pelo governo do Estado de São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 21/06/2021 11h11 - Atualizado em 21/06/2021 11h48
Tiago Caldas/Estadão ConteúdoPatrick de Paula foi afastado do Palmeiras por período indeterminado por ter participado de uma festa clandestina

O Palmeiras comunicou na manhã desta segunda-feira, 21, que afastou o meio-campista Patrick de Paula por tempo indeterminado por ter participado de uma festa clandestina na noite de ontem. Flagrado por torcedores, o volante foi hostilizado e precisou ser escoltado por seguranças do local. Em nota, o clube afirmou que irá lidar com o caso do jogador da mesma maneira tratou o incidente envolvendo Lucas Lima, que também furou as restrições impostas pelo governo do Estado de São Paulo, aplicando uma multa. Vale lembrar que o jovem já havia sido punido por entrar em campo na partida contra o América-MG, pelo Brasileirão, com um brinco e ficar seis minutos fora de campo para retirar o acessório.

“Lamentavelmente, o Palmeiras se deparou com um novo caso de quebra de protocolo sanitário por parte de um de seus atletas. Desta vez o episódio envolveu Patrick de Paula. Da mesma forma com que tratou a situação envolvendo o jogador Lucas Lima, o clube aplicará as sanções administrativas máximas determinadas pelo seu regulamento interno. Ambos os atletas ficam afastados dos treinamentos até determinação do Departamento de Futebol. Lamentamos que casos de falta de empatia e de responsabilidade ainda ocorram em um momento tão difícil para a sociedade. São atitudes inadmissíveis e que receberão o devido tratamento”, disse o Palmeiras, em nota oficial.

Já a assessoria de imprensa de Patrick de Paula alegou que o jogador estava com alguns familiares em um bar. Ainda assim, a equipe de comunicação do camisa 5 lamentou o episódio. “O volante Patrick de Paula esteve em um bar na noite de ontem com seus familiares, indo embora pouco antes das 22h. Durante todo esse período, o atleta esteve usando máscara e tomando os cuidados com álcool em gel e evitando aglomerações. Mesmo com os cuidados, fica aqui o aprendizado e o pedido de desculpas por estar fora de isolamento após o horário do Plano SP. O camisa 5 sempre respeitou e é grato ao Palmeiras pela oportunidade que lhe foi concedida de atuar como profissional do futebol”, disse.