Palmeiras seria time de meio de tabela nas melhores ligas da Europa, diz Kaká

  • 30/12/2018 12h20
Montagem sobre fotos/Reprodução/Estadão ConteúdoKaká deu entrevista exclusiva ao SporTV e falou sobre o nível do futebol brasileiro, cujo atual campeão é o Palmeiras

Dono de dois títulos brasileiros e de uma taça da Copa do Brasil nos últimos quatro anos, o Palmeiras tem dominado o futebol nacional desde que assinou com a Crefisa, em janeiro de 2015. O clube alviverde arrecada demais, alcança bons resultados dentro de campo, e tem quem acredite até no estabelecimento de uma dinastia no País pentacampeão mundial de futebol.

Mas Kaká não se empolga.

Em entrevista exclusiva ao programa Grande Círculo, do SporTV, o último brasileiro eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa afirmou que, se atuasse em uma grande liga europeia, o Palmeiras sequer brigaria por vaga em competições continentais.

“O Palmeiras disputaria o meio de tabela de uma liga das três maiores: Itália, Inglaterra e Espanha. Eu acho que o Tottenham seria campeão brasileiro fácil, por exemplo”, afirmou o ex-meia do São Paulo.

Questionado sobre a qualidade do futebol brasileiro, Kaká, que pretende se tornar dirigente esportivo em breve, disse sobrar talento, mas faltar organização.

“O futebol brasileiro continua formando excelentes jogadores. Precisa dar um salto do bom jogador para aquele que vai ser top em nível mundial e de Seleção. Isso a gente pode melhorar, mas é só lapidar o que a gente já tem. Acho o Campeonato Brasileiro muito competitivo, bons nomes, excelentes jogos, mas desorganizado”, avaliou.

“Até pelo período que fiquei aqui de seis meses, acho bagunçado. Tudo! Calendário, jogos, relacionamento dos clubes com os torcedores, acho tudo muito bagunçado. O caminho mais legal seria a profissionalização dos clubes, torná-los empresas. Esse seria o melhor caminho. Isso ajudaria muito para o futuro do futebol brasileiro”, finalizou.