Ídolo do São Paulo, Cicinho pede para Crespo ‘acordar’ e detona Benítez: ‘Precisa comer grama’

O ex-jogador não se mostrou a favor da demissão imediata do técnico, mas pediu para o argentino mudar de postura e definir seus onze jogadores titulares

  • Por Jovem Pan
  • 05/10/2021 12h20 - Atualizado em 05/10/2021 12h21
Montagem sobre fotos/Reprodução/SBT/São Paulo FCCicinho criticou Crespo e Benítez em meio ao mau momento do São Paulo

Multicampeão vestindo a camisa do São Paulo, Cicinho não economizou nas críticas ao falar sobre o atual momento do time, que é apenas o 13º colocado do Campeonato Brasileiro. Em participação no programa “Arena SBT”, o comentarista não se mostrou a favor da demissão imediata do técnico Hernán Crespo, mas pediu para o argentino mudar de postura e definir seus onze jogadores titulares. “Eu não tiraria o Crespo por enquanto, mas acho que está na hora de o Crespo acordar. Mostrar para o Crespo que o futebol brasileiro é diferente. Tem que parar com essa cultura de rodízio. O São Paulo tem jogadores que representam: o Volpi, não foge mesmo tendo falhado, Reinaldo, Miranda, Luan, Rigoni. Esses caras representam o São Paulo”, comentou o ex-jogador.

Incomodado com o empate diante da Chapecoense, a lanterna do Brasileirão, o ex-jogador teceu críticas a algum jogadores do atual elenco são-paulino, focando em Martín Benítez, meio-campista que perdeu o status de titular e sequer foi relacionado para o jogo realizado no último domingo, na Arena Condá. “Arboleda, sabe por que joga com fita no pulso? Para enxugar o suor. Você não tem nem suor para enxugar”, comentou o ídolo da torcida do Tricolor. “É vergonha, sim, com todo respeito à Chapecoense. Tem que suar a camisa. Crespo, vamos acordar, senão vai cair. Tem que colocar os que representam o São Paulo. O Benítez não aguenta jogar três jogos? Manda embora de uma vez”, completou.

Ainda sobre o armador argentino, Cicinho acredita que o jogador está acomodado no São Paulo.”Ninguém contesta a qualidade do Benítez, mas o Crespo está vendo no treinamento. Ele (Benítez) fica andando em treinamento. Está insatisfeito. Aí chega lá no CT com o chimarrão. 40 graus no Brasil. Vai tomar chimarrão lá na sua casa, no seu país. Aqui, não. Aqui é água gelada, sangue. É comer grama”, disparou o ex-jogador. Benítez, vale lembrar, está emprestado pelo Independiente somente até o final do ano. Para contratá-lo em definitivo, a diretoria terá que pagar 3,2 milhões de dólares (na cotação atual, cerca de R$ 17,5 milhões).