São Paulo oficializa demissão de Fernando Diniz; Raí também deixa o clube

Ao longo de 16 meses, o treinador dirigiu a equipe em 74 partidas, com 34 vitórias, 20 empates e 20 derrotas

  • Por Jovem Pan
  • 01/02/2021 16h39 - Atualizado em 01/02/2021 16h43
ALEX SILVA/ESTADÃO CONTEÚDOFernando Diniz não é mais o técnico do São Paulo

O São Paulo emitiu uma nota na tarde desta segunda-feira, 1º, oficializando a demissão do treinador Fernando Diniz. Além dele, deixam o clube o preparador físico Wagner Bertelli e os auxiliares Marcio Araújo e Eduardo Zuma, que chegaram junto com o técnico. “O São Paulo agradece aos profissionais pelo trabalho e pela dedicação demonstrados durante todo o período em que defenderam nossas cores”, escreveu a diretoria. Fora Diniz e a comissão técnica, outro que se despede do Tricolor é o diretor executivo de futebol Raí, que tinha contrato somente até o fim de fevereiro, no término do Campeonato Brasileiro. De acordo com o boletim, o ídolo da torcida são-paulina pediu para sair de maneira imediata – ele estava no cargo desde 2017, quando o ex-presidente Leco tomou posse.

Ao longo de 16 meses, Diniz dirigiu a equipe em 74 partidas, com 34 vitórias, 20 empates e 20 derrotas. Márcio Araújo esteve no banco em outras três ocasiões em que o treinador cumpria suspensão: uma vitória, um empate e uma derrota. Apesar de um bom momento do time, o técnico não conseguiu tirar o clube da fila de títulos, que perdura desde 2012, com a conquista da Copa Sul-Americana.

Veja a nota oficial do São Paulo

“O São Paulo Futebol Clube informa que Fernando Diniz deixa o comando técnico da equipe nesta segunda-feira. Raí, Executivo de Futebol desde o fim de 2017, optou por deixar o cargo, em que ficaria até o fim do Campeonato Brasileiro, de forma imediata. Também serão desligados o preparador físico Wagner Bertelli e os auxiliares Marcio Araújo e Eduardo Zuma, que chegaram ao clube junto com o treinador.

Ao longo de 16 meses, Diniz dirigiu a equipe em 74 partidas, com 34 vitórias, 20 empates e 20 derrotas. Márcio Araújo esteve no banco em outras três ocasiões em que o treinador cumpria suspensão: uma vitória, um empate e uma derrota.

O São Paulo agradece aos profissionais pelo trabalho e pela dedicação demonstrados durante todo o período em que defenderam nossas cores.

O Presidente Julio Casares concederá uma entrevista coletiva a partir das 17h30 desta segunda-feira, no CT da Barra Funda, com transmissão ao vivo pela SPFCtv.