São Paulo também disponibiliza estádio para vacinação contra a Covid-19

De acordo com o governador João Doria (PSDB), a imunização começará no dia 25 de janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 08/01/2021 17h05
ReproduçãoEstádio do Morumbi estará à disposição do Estado para a vacinação

O São Paulo informou na tarde desta sexta-feira, 8, que colocará o estádio do Morumbi e as dependências do clube à disposição do Governo do Estado para ser um dos pontos de vacinação contra a Covid-19. Em carta assinada pelo presidente Julio Casares enviada ao governador João Doria (PSDB), o Tricolor afirma que “cumprirá sua responsabilidade social”. Mais cedo, o Corinthians havia anunciado que também cederá a sua arena, localizada na zona leste da cidade, às autoridades de saúde responsáveis.

“Assumindo nossa responsabilidade social neste importante e crítico momento vivido por toda a população, mas inteiramente confiantes no sério trabalho conduzido pelo Governador João Doria e por todo o Comitê Executivo, manifestamos nosso posicionamento em disponibilizar toda a infraestrutura do São Paulo Futebol Clube para aquilo que for necessário, inclusive o Estádio Cícero Pompeu de Toledo, para local de vacinação”, afirma o presidente Julio Casares.

Vale lembrar que João Doria garante que a vacinação será iniciada no dia 25 de janeiro, data do aniversário da capital paulista. Ontem, o governador e a equipe do Instituto Butantan anunciaram que a CoronaVac, vacina contra a Covid-19 produzida pelo instituto em parceria com o laboratório chinês Sinovac, tem eficácia comprovada de 78% nos estudos clínicos realizados no Brasil. Hoje, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que recebeu o pedido de uso emergencial do imunizante e que dará um parecer em até dez dias – em 18 de janeiro.