STJD acata pedido do Flamengo de não liberar Pedro para a disputa dos Jogos Olímpicos

Presidente do STJD entende que a disputa das Olimpíadas não está classificada como Data Fifa e, sendo assim, os clubes não são obrigados a liberar os atletas

  • Por Jovem Pan
  • 30/06/2021 22h22
Reprodução/Twitter/@CBF_FutebolPedro encara resistência do Flamengo em ir à Tóquio

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol – STJD concedeu uma liminar favorável ao Flamengo na noite desta quarta-feira, 30, impedindo a ida de Pedro para os Jogos Olímpicos de Tóquio, que começam no dia 23 de julho. Os convocados por André Jardine precisam se apresentar na próxima sexta-feira, dia 9. A decisão do presidente do STJD, Otávio Noronha, aponta que a convocação do atacante é um prejuízo para o clube por não contar com o atleta por mais de um mês nas competições nacionais e intercontinentais, já que o Flamengo está nas oitavas de final da Libertadores e faz o primeiro jogo contra o Defensa y Justicia no dia 14. O presidente ainda assinala que a disputa dos Jogos Olímpicos não se encontra contemplada no calendário internacional, como ‘Data Fifa’, por isso, cabe ao clube decidir sobre a liberação do jogador.

“Este Tribunal já tem entendimento firmado, no sentido de que, não está a Agremiação obrigada a liberar seu Atleta, e cedê-lo para a Seleção Nacional, diante das regras internacionais do Desporto”, diz a decisão. Também nesta quarta-feira, a Fifa anunciou que as seleções olímpicas poderão convocar mais quatro atletas para a disputa das Olimpíadas. Jardine deve se pronunciar até o dia 2 de julho com os novos convocados. A seleção também tem enfrentado resistência do Olympique de Marselha para liberar Gerson, que está em quarentena após viajar à França para sua apresentação.