Brasil termina em 26º lugar no esqui estilo livre moguls em Pequim 2022

Sabrina Cass, de 19 anos, foi a primeira representante do país a competir na modalidade

  • Por Jovem Pan
  • 07/02/2022 19h08
Marco BERTORELLO / AFP Sabrina Cass ficou na 21ª posição e ainda sonha com uma vaga na final do esqui nas Olimpíadas de Pequim Sabrina Cass, de 19 anos, foi a primeira representante brasileira na modalidade moguls

O Brasil finalizou sua participação nos Jogos Olímpicos de Pequim 2022 na modalidade esqui estilo livre moguls. No domingo, 6, Sabrina Cass entrou para a disputa das semifinais da modalidade feminina e terminou em 26º lugar, não avançando de fase. Ao todo ela marcou 62.20 pontos. Apesar da não classificação, a brasileira de apenas 19 anos foi a melhor atleta sul-americana da história na modalidade, superando o resultado do argentino Ignacio Bustamante, em Albertville 1992, que ficou na 30ª colocação. Sabrina nasceu nos EUA, é filha de pai norte-americano e mãe brasileira e escolheu a amarelinha para competir. “Estou triste com minha prova, mas feliz em poder estar aqui nos Jogos Olímpicos defendendo o Brasil. Pensei que ia conseguir melhorar o que tive dificuldade na primeira qualificatória. Nos treinos estava indo bem, mas na competição não consegui”, disse após a prova. Ela é a primeira atleta brasileira a se despedir de Pequim 2022.