Atletismo: Brasil é eliminado dos 400m com barreiras feminino

Chayenne da Silva foi a oitava colocada na bateria 2 e não conseguiu se classificar para as semifinais

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2021 21h21 - Atualizado em 30/07/2021 21h58
Reprodução/ Twitter Chayenne da Silva; atletismo Chayenne, de 21 anos, competiu nos 400m com barreiras feminino

O Brasil abriu o segundo dia do atletismo em Tóquio 2020 com uma eliminação na prova dos 400m com barreiras feminino. A brasileira Chayenne da Silva fez o pior tempo da bateria 2 e terminou com 57.55. A vencedora da bateria foi a ucraniana Anna Ryzhkova que fez o tempo de 54.56. Chayenne fez sua primeira participação em Olimpíadas e, em entrevista pós-prova no SporTV, ela comentou que, apesar do resultado, a experiência vale para sua carreira e disse que estava muito nervosa antes da corrida. Ainda na noite/madrugada desta sexta para sábado, o Brasil concorre nas classificatórias no salto com vara, lançamento de disco e 100m com barreiras.

Confira AQUI o quadro de medalhas em tempo real