Galvão Bueno pede desculpas por erro cometido durante transmissão da Tóquio-2020; assista

O narrador do Grupo Globo utilizou suas redes sociais para se desculpar com o público por um equívoco cometido durante a final de uma prova do atletismo

  • Por Jovem Pan
  • 31/07/2021 11h59 - Atualizado em 31/07/2021 13h20
Reprodução/Twitter/@galvaobuenoGalvão Bueno pediu desculpas por erro cometido durante prova de atletismo na Tóquio-2020

Galvão Bueno, principal narrador do Grupo Globo, confundiu o nome de Eliane Thompson-Herah, da Jamaica, campeã dos 100 metros rasos, com a terceira colocada da prova, Shericka Jackson, também jamaicana, neste sábado, 31. Em publicação feita nas redes sociais, o experiente locutor explicou o equívoco durante a transmissão dos Jogos Olímpicos de Tóquio e pediu desculpas. “Bem, amigos. Depois de mais um dia olímpico, eu já troquei de uniforme e estou aqui. Mas por quê eu estou aqui? É que eu quero fazer um pedido de desculpas. Eu cometi um erro. Na transmissão da final dos 100 metros rasos feminino, eu estava muito focado na bicampeã, que estava tentando a terceira medalha de ouro olímpica, três jamaicanas chegaram e eu confundi o nome da que chegou em primeiro com a que chegou em terceiro. Depois, eu corrigi, mas errei. Se errei, tenho que pedir desculpas.”

“Foi mais um dia fantástico das mulheres e do Brasil. Vitória por 3 a 1 no vôlei feminino sobre a Sérvia, além da inesquecível conquista da medalha de bronze da dupla feminina de tênis. Histórica! Para não esquecer dos homes, o Brasil conseguiu mais uma classificação para a semifinal. Venceu o Egito por 1 a 0. Que venha o México!”, finalizou Galvão, titular da emissora carioca durante a exibição das Olimpíadas de Tóquio. O narrador, inclusive, está se destacando nas redes sociais com as suas reações com as vitórias do país em solo japonês.

Confira AQUI o quadro de medalhas em tempo real