Pia Sundhage se manifesta após discussão entre Bárbara e atleta paralímpica

Em entrevista coletiva na véspera da partida diante do Canadá, válida pelas quartas de final das Olimpíadas de Tóquio, a técnica sueca foi questionada sobre a situação da goleira na seleção feminina depois do entrevero com Andrea Pontes

  • Por Jovem Pan
  • 29/07/2021 07h41
Lucas Figueiredo/CBFPia Sundhage é a treinadora da seleção brasileira feminina

Pia Sundhage, treinadora da seleção brasileira feminina, foi questionada sobre a discussão entre a goleira Bárbara e a atleta paralímpica Andrea Pontes nas redes sociais. Em entrevista coletiva na véspera da partida diante do Canadá, válida pelas quartas de final das Olimpíadas de Tóquio, a técnica sueca não entrou em detalhes sobre a situação da arqueira, mas ressaltou a a importância dos aspectos comportamentais na preparação do time. “Psicologia é algo que a gente trabalha muito todo dia, o comportamento de todos. É por isso que temos um time por trás do time, temos uma especialista que me dá informações sobre o que dizer, o que pensar e como preparar a equipe. Você tem todo o tipo de obstáculos, e temos que gerenciar todos os obstáculos. Meu trabalho é colocar junto esse time por trás do time, para garantir que nós vamos dizer a coisa certa, vamos fazer a coisa certa e vamos estar prontas para o jogo”, disse a comandante.

O atrito começou quando Andrea sugeriu que a Bárbara fosse substituída por Babi Arenhart, destaque da seleção de handebol feminino. No comentário, ela deu a entender que o Brasil seria campeão se isso acontecesse. “Ficaria tudo resolvido, Brasil campeão”, afirmou ao lado de emojis indicando risos. A goleira não aceitou a crítica e questionou por que Andrea não ia disputar os jogos em seu lugar. “Cada um com suas limitações”, disse a arqueira, que também afirmou que a atleta paralímpica queria “chamar atenção” e que ela não era “ninguém na vida”. Ao fim de suas respostas, a goleira voltou a chamar Andrea de incapaz. A discussão continuou em mensagens privadas que foram divulgadas pela atleta paraolímpica. Dentre as mensagens trocadas, Bárbara questionou se Andrea “acha que só porque é deficiente pode falar o que quer”. Em suas redes, a goleira não falou sobre o assunto. Nas redes sociais, o debate entre as duas repercutiu, com muitas pessoas criticando o posicionamento de Bárbara sobre a condição física de Andrea.