Sem Tandara, Brasil vence a Coreia do Sul por 3 sets a 0 e vai à final do vôlei feminino

Rosamaria, Fernanda Garay e Gabi foram os destaques da vitória que fez a seleção voltar a uma final olímpica; decisão será contra os EUA na madrugada de domingo, 8

  • Por Jovem Pan
  • 06/08/2021 10h29 - Atualizado em 06/08/2021 10h51
Julio Cesar Guimarães/COB Rosamaria e Carol comemorando ponto do Brasil Rosamaria substituiu Tandara e foi um dos destaques do Brasil na partida

No fim da noite de quinta-feira, 6, a seleção brasileira de vôlei feminino tomou um susto com a suspensão provisória de Tandara dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 por conta de uma reprovação no exame antidoping. Entretanto, a ausência da jogadora parece não ter abalado o psicológico do time, que venceu a Coreia do Sul por 3 sets a 0 e se classificou para a final da modalidade. Substituta de Tandara, Rosamaria foi um dos grandes destaques da partida, ao lado de Fernanda Garay e Gabi Guimarães. No primeiro set, as brasileiras já mostraram a vantagem técnica da seleção, vencendo a parcial por 25/16. O início do segundo set foi mais equilibrado, mas a seleção melhorou e conseguiu fechar com 25/16 novamente, abrindo vantagem de 2 sets a 0. Na terceira parcial, o Brasil seguiu superior, cresceu o bloqueio contra as coreanas e fechou o set em 25/16. Com isso, o Brasil volta a disputar a final olímpica depois de ter ficado de fora da decisão do Rio 2016. A partida será contra os Estados Unidos, que bateram a Sérvia por 3 sets a 0, e acontecerá às 1h30 de domingo, 8. Com a ida à final, o Brasil garantiu a 20ª medalha nos Jogos, fazendo com que essa já seja a melhor participação brasileira em Olimpíadas.

Em entrevista ao SporTV após a classificação para a final, Carol falou sobre o caso de Tnadara, afirmando que o grupo não tem muitas informações, mas que estão do lado da colega de seleção. “A Tandara faz parte desse grupo, a gente ama ela, a gente está do lado dela e espera que tudo dê certo. Nós não sabemos muita coisa. Mas vamos estar lutando por ela também. A gente não tem muitas informações”, afirmou. Um dos destaques do jogo, Fernanda Garay falou estar motivada para a disputa do ouro e exaltou o trabalho do grupo. “Minha motivação é (jogar) o máximo que eu puder. Entregar tudo na quadra. Aproveitar cada jogo e cada dia com essas meninas, que são um grupo maravilhoso. É uma energia, um alto astral. Eu estou muito orgulhosa por a gente ter chegado aqui, mas agora a gente vai brigar muito por esse ouro”, disse a jogadora.