Após dez anos, prefeitura de SP aprova projeto de reforma do Edifício Copan

Administração pediu, há uma década, a autorização para modificação da fachada do prédio histórico, projetado por Oscar Niemeyer

  • Por Jovem Pan
  • 06/10/2021 17h11
Estadão Conteúdo Faixada do Edifício Itália Edifício Itália

Após dez anos de negociação, o Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental de São Paulo (Conpresp) aprovou o projeto de reforma do Edifício Copan, no centro da capital paulista. A administração pediu, há uma década, a autorização para modificação da fachada do prédio histórico, projetado por Oscar Niemeyer. A proposta era resolver problemas de infiltração, retirar as pastilhas que estavam soltas e colocar redes de proteção para evitar acidentes. O condomínio instalou as redes, retirou as pastilhas e começou a obra. Em 2015, o Conselho embargou a obra e exigiu que um projeto completo de restauração fosse apresentado antes de dar continuidade. Agora, com as modificações aprovadas, a reforma deve começar em 2022.