Brasil mantém alta e registra 893 mortes por Covid-19 em 24 horas; total é de 628,9 mil

Número de casos também continua aumentando rapidamente, mas registrou a primeira queda na média móvel em 14 dias; dados foram divulgados pelo Conass

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2022 20h48
EFE / Raphael Alves Vítimas da Covid-19 são enterradas em valas comuns de Manaus País vive sexta semana consecutiva de alta no número de óbitos

Em meio ao avanço da terceira onda de Covid-19, o Brasil registrou 893 mortes causadas pela doença nas últimas 24 horas, fazendo com que o total de óbitos até o momento seja de 628,9 mil. No mesmo período, o país contabilizou 172,903 novos casos da doença, fazendo com que o total de infectados desde o início da pandemia, em março de 2020, seja de 25.793.112. Os dados foram divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) às 18h desta quarta-feira, 2. Esse foi o primeiro boletim em 14 dias que não apontou um novo recorde da média móvel de casos, que caiu para 179.604. Já a média móvel de mortes aumentou e foi para 650. O país está na sexta semana consecutiva de aumento no número de óbitos. Os indicadores também mostram a tendência de aumento. A taxa de mortalidade da doença está em 299,3 a cada 100 mil pessoas, enquanto a taxa de incidência foi para 12.273,8 a cada 100 mil pessoas. Vale mencionar que os Estados do Ceará e Goiás não atualizaram os dados, ficando com os números mostrados na terça-feira, 1º.