Brasil soma 323 mortes e mais de 11 mil casos de Covid-19 em 24 horas

País tem 146.675 óbitos e 4.927.235 casos confirmados da doença desde o início da pandemia

  • Por Jovem Pan
  • 05/10/2020 18h58 - Atualizado em 05/10/2020 19h00
MARCELO FONSECA/ESTADÃO CONTEÚDOCovid-19 já matou mais de 146 mil pessoas no Brasil

O Ministério da Saúde atualizou nesta segunda-feira, 5, os números da Covid-19 no país. Nas últimas 24 horas foram contabilizadas 323 mortes e 11.946 casos da doença, totalizando assim 146.675 óbitos e 4.927.235 casos confirmados. Desse total, 4.295.302 pessoas já se recuperaram (87,2%), enquanto outras 485.258 seguem em acompanhamento médico. A pasta segue investigando 2.540 mortes para confirmar a relação com o novo coronavírus. O levantamento de hoje não conta com os dados de Roraima, porque hoje é feriado no Estado. O Rio Grande do Norte e o Acre não registraram óbitos, segundo as secretárias estaduais de Saúde. O Estado de São Paulo continua em primeiro no número de contaminações. São 1.004.579 casos desde o início da pandemia, com 36.220 mortes. Hoje a Secretaria Estadual de Saúde informou que o estado entrou na segunda semana com queda de casos e mortes pela doença.

Também nesta segunda-feira, a A Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG anunciou que comandará os testes da fase 3 da vacina da Johnson & Johnson contra a Covid-19, conhecida como Ad26.COV2.S. Em comunicado a Universidade informou que os testes devem começar na próxima semana e contarão com 30 a 60 mil participantes em oito países, incluindo o Brasil, que terá dois mil voluntários. Quem tiver interesse em participar do estudo pode se inscrever num formulário disponível na internet. Os participantes precisam ter mais de 18 anos e serão recrutados pelos centros vinculados à CoVPN e J&J.