Comitê Científico do Nordeste pede que Carnaval e Réveillon na região sejam cancelados

Documento também solicita que campanha de vacinação seja intensificada e obrigatoriedade do uso de máscaras, mantida

  • Por Jovem Pan
  • 03/12/2021 18h17
Reprodução/Prefeitura de SalvadorCarnavais de rua de capitais como Salvador e Recife reúnem milhões de pessoas

O Comitê Científico do Consórcio Nordeste, grupo que assessora os governadores da região, produziu um documento no qual traz uma análise da situação da pandemia nos nove Estados nordestinos e pede que as festas de Réveillon e Carnaval na região sejam canceladas. Para o Comitê, a desigualdade na distribuição das vacinas, o negacionismo contra a vacinação em países ricos e o aparecimento de variantes, como a recém-descoberta ômicron, são fatores que aumentam o perigo de novas ondas de Covid-19. O documento também pede que a obrigatoriedade do uso de máscaras seja mantida, assim como a do passaporte de vacinação em eventos com aglomerações, e que a campanha de vacinação seja acelerada, e sugere a aplicação em escolas e em ‘carros de vacinas’, para alcançar uma parcela maior da população. Em relação aos Estados, Maranhão e Alagoas estariam nas melhores situações epidemiológicas, enquanto a Bahia tem uma ‘grande preocupação’ com os eventos de fim de ano e Carnaval e o Ceará tem um risco pandêmico alto.