Ministério da Saúde ainda não tem prazo para restabelecer sistemas após ataque hacker

Polícia Federal e Gabinete de Segurança Institucional estão em busca dos autores; governo adiou exigência de vacinação e quarentena para entrada de viajantes no país

  • Por Jovem Pan
  • 10/12/2021 18h28
Reprodução site do ministério da saúde Hackers bloquearam site do Ministério da Saúde e do SUS

O Ministério da Saúde ainda não tem uma previsão para o restabelecimento completo do sistema do site e do ConecteSUS, que foram alvo de um ataque hacker na madrugada desta sexta, 10. Em entrevista coletiva, o secretário executivo da pasta, Rodrigo Cruz comentou sobre as providências da pasta e garantiu que, apesar dos dados serem armazenados em um backup, ainda não é possível dar uma estimativa. “Estamos trabalhando firme, é muito cedo para dar estimativa de prazo, o time do DATASUS está fazendo todo esse trabalho junto com a empresa. Não temos a informação precisa, ‘em dois ou três dias restabeleceremos’. Mas, assim que a gente tiver uma posição da equipe de tecnologia a gente prontamente informará a todos”, afirmou Cruz. Parte dos sistemas do governo federal já voltou a funcionar, mas páginas de cadastro dos dados de vacinação ainda não foram recuperadas.

A invasão foi do tipo ‘ransomware’, quando o conteúdo fica indisponível e os hackers pedem um resgate para devolvê-lo. Cerca de 50 terabytes de dados teriam sido ‘sequestrados’ pela organização Lapsus$ Group, que assumiu a autoria do ataque. A Polícia Federal investiga o ocorrido, onde teriam sido cometidos crimes de invasão de dispositivo informático, interrupção ou perturbação do serviço informático, telemático ou de informação de utilidade pública e delito de associação criminosa. Cruz ainda citou o Gabinete de Segurança Institucional como uma das instituições que estão apurando a ocorrência. Com o ataque, o governo adiou a aplicação da portaria que prevê que, para viajantes que cheguem ao Brasil do exterior, é necessário apresentar passaporte de vacinação e passar por uma quarentena de cinco dias.