Reforma está sendo feita para atender interesses da reeleição, diz Ferraço

  • Por Estadão Conteúdo
  • 21/08/2017 11h15 - Atualizado em 21/08/2017 11h15
Brasília - Senador Ricardo Ferraço fala à imprensa, no Palácio do Planalto (Valter Caampanato/Agência Brasil)Ferraço afirmou que a reforma política está sendo feita para atender os interesses da reeleição

O senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) afirmou nesta segunda-feira (21), durante debate no Fórum Estadão que a reforma política é de difícil percepção pela população, mas garantiu que o fundo público de R$ 3,6 bilhões para financiar a campanha eleitoral não passa pelo Senado, mesmo que seja aprovado pela Câmara.

Ferraço afirmou que a reforma política está sendo feita para atender os interesses da reeleição. O desafio para avançar com as mudanças no Congresso, disse ele, é que o sistema dialoga com imperfeições de “alta intensidade”.