Governo Doria coloca São Paulo na fase vermelha a partir deste sábado

Com alteração, apenas serviços essenciais poderão funcionar; endurecimento das medidas contra a Covid-19 ocorre em momento de piora nos índices

  • Por André Siqueira
  • 03/03/2021 11h34 - Atualizado em 03/03/2021 12h35
PAULO GUERETA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO - 28/01/2021Na terça-feira, 2, São Paulo bateu recorde no número de óbitos

O Estado de São Paulo deve entrar em fase vermelha no sábado, 6, segundo apurou a Jovem Pan com membros do governo paulista. O endurecimento das medidas no combate ao coronavírus será anunciado na coletiva de imprensa do governador João Doria (PSDB), às 12h45, no Palácio dos Bandeirantes. A reclassificação do Plano São Paulo ocorre em meio ao agravamento da crise sanitária – as taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 75,5% na Grande São Paulo e 74,3% no Estado. O número de pacientes internados é de 16.635, sendo 9.225 em enfermaria e 7.410 em unidades de terapia intensiva, conforme dados desta terça-feira, 2.

Também nesta terça-feira, Doria se reuniu virtualmente com membros do Centro de Contingência da Covid-19, secretários do governo e representantes de 618 prefeitos do Estado para discutir o endurecimento das medidas de combate à pandemia. Como a Jovem Pan mostrou, a ideia do tucano era ouvir dos gestores municipais a situação nas cidades para definir o que seria feito nos próximos dias. Segundo relatos feitos à reportagem, os prefeitos concordaram que a situação é grave e que exige regras ainda mais rígidas. A terça-feira também foi marcada pelo recorde no número de mortes em São Paulo desde o início da pandemia – em 24h, foram registradas 468 novos óbitos.