Banco do Brasil abre mais de 4 mil vagas de emprego com salário inicial de R$ 3 mil

Oportunidades são para escriturários em todos os Estados e no Distrito Federal; inscrições vão até 28 de julho

  • Por Jovem Pan
  • 24/06/2021 17h32 - Atualizado em 24/06/2021 18h47
AGEU DA ROCHA/AGÊNCIA ESTADOBanco do Brasil abre vagas para todos os Estados e no Distrito Federal

O Banco do Brasil anunciou nesta quinta-feira, 24, a abertura de 4.480 vagas para escriturários em todos os Estados e no Distrito Federal. A remuneração inicial é de R$ 3.022,37 para jornada de 30 horas semanais, mais benefícios. As inscrições podem ser feitas até o dia 28 de julho pelo site da Fundação Cesgranrio. As provas estão previstas para 26 de setembro. Para participar da seleção, é preciso ter certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, Secretarias ou Conselhos Estaduais de Educação e idade mínima de 18 anos completos, até a data da contratação.

São duas mil vagas para escriturários como agente comercial, mais duas mil para cadastro de reserva. Outras 240 vagas foram abertas para agentes de tecnologia, com mais 240 para cadastro de reserva. “O cargo de escriturário é a porta de entrada na carreira dentro do Banco do Brasil. E assume nomes diferentes de acordo com a unidade em que o funcionário está lotado. Para este concurso, os candidatos podem concorrer para Agente Comercial, que trabalha na rede de agências do BB, em todo o país, ou para Agente de Tecnologia, que assume na área de Tecnologia, em Brasília”, afirma José Avelar Matias Lopes, Diretor Gestão da Cultura e de Pessoas.

O candidato pode escolher o Estado e município na hora da inscrição. Além do salário de R$ 3.022,37, os selecionados terão direito a alimentação/refeição de R$ 831,16 por mês e, cumulativamente com o benefício de ajuda alimentação/refeição, o BB concede a cesta alimentação, no valor mensal de R$ 654,87, na forma do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT). Há ainda possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional, participação nos lucros ou resultados, nos termos da legislação pertinente e acordo sindical vigente, vale-transporte, auxílio-creche, auxílio a filho com deficiência e previdência complementar.