Femen protesta no Vaticano contra visita do papa a Estrasburgo

  • Por Agencia EFE
  • 14/11/2014 13h00

Cidade do Vaticano, 14 nov (EFE). – Ativistas do grupo feminista Femen protestaram nesta sexta-feira na Praça de São Pedro, no Vaticano, contra a visita que o papa Francisco fará no próximo dia 25 ao Parlamento Europeu em Estrasburgo, na França.

As manifestantes mostraram rejeição a esta viagem com gritos e deixando os seios à mostra. Na pele elas escreveram, em inglês, “o papa não é um político”, informou a imprensa italiana. As mulheres usavam flores na cabeça e levavam uma cruz de madeira na mão. Depois de alguns minutos, as ativistas foram detidas por policiais, que as retiraram do local.

O Femen tem origem na Ucrânia. As militantes se tornaram conhecidas no mundo todo por suas ações populares de top-less em defesa dos direitos das mulheres. EFE

lsc/cdr