Brasil anuncia meta de reduzir 50% da emissão de gases até 2030

Ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite também afirmou que o país pretende diminuir neutralidade de carbono até 2050

  • Por Jovem Pan
  • 01/11/2021 15h04 - Atualizado em 01/11/2021 15h06
WALLACE MARTINS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO Ministro do Meio Ambiente, Joaquim Álvaro Pereira Leite Joaquim Leite anunciou novas metas para mudanças climáticas até 2030

O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, anunciou nesta segunda-feira, 1º, durante a COP26, que o país pretende reduzir em 50% a emissão de gases poluentes até 2030. Antes, a meta era reduzir 43%. “Apresentamos hoje uma nova meta climática, mais ambiciosa, passando de 43% para 50% até 2030 e de neutralidade de carbono até 2050, que será formalizada durante a COP26”, disse Leite. O ministro fez a declaração em Brasília, mas a fala foi transmitida na COP26. Pouco antes do anúncio, um vídeo do presidente Jair Bolsonaro também foi exibido, no qual ele afirmou que o Brasil é “parte da solução”, e não do problema das mudanças climáticas. “O Brasil é uma potência verde. Temos a maior biodiversidade do planeta, a maior e mais rica cobertura florestal e uma das maiores áreas oceânicas. No combate à mudança do clima, sempre fomos parte da solução, não do problema”, declarou. “Os resultados alcançados por nosso país até 2020 demonstram que podemos ser ainda mais ambiciosos. Por isso autorizei o ministro do meio ambiente, Joaquim Leite, a apresentar novas metas climáticas”, completou.