EUA: Homem mata seis e depois se suicida em festa de aniversário no Colorado

Todas as vítimas eram membros de uma mesma família que comemorava o dia do nascimento de três integrantes diferentes; incidente foi o 194º tiroteio em massa no país desde o início do ano

  • Por Jovem Pan
  • 10/05/2021 13h33 - Atualizado em 10/05/2021 15h06
Reprodução Twitter Marc SallingerO suspeito era namorado de uma das vítimas que participavam da comemoração tripla em um trailer na cidade de Colorado Springs

Um atirador matou seis membros de uma mesma família antes de tirar a sua própria vida durante uma festa de aniversário no Colorado neste domingo, 9. O crime aconteceu pouco depois da meia-noite do horário local em um trailer, onde a polícia encontrou seis adultos mortos e um homem com ferimentos graves que acabou falecendo mais tarde em um hospital da região. Algumas crianças que também participavam da festa sobreviveram e estão agora sob os cuidados de outros parentes. A polícia aponta que o suspeito era namorado de uma das vítimas do sexo feminino. O jornal local The Gazette afirma que esse foi o quarto tiroteio em massa mais mortal da história do estado, que ainda se recuperava do crime em um supermercado na cidade de Boulder que deixou dez pessoas mortas no dia 22 de março. O prefeito de Colorado Springs, John Suthers, pediu paciência enquanto a polícia investiga o incidente. Já o governador Jared Polis chamou o crime mais recente como um “terrível ato de violência” que ocorreu enquanto “muitos de nós estávamos passando o dia celebrando as mulheres em nossas vidas que nos tornaram as pessoas que somos hoje”.

A família tinha se reunido no trailer em questão para comemorar não só o Dia das Mães como também o aniversário de três pessoas: Nubia Marquez, de 28 anos, seu irmão Melvin Perez, que faria 31 anos essa semana, e a mãe de ambos, Joana Cruz, que completaria 54 anos também nos próximos dias. Nubia explicou que eles sempre gostaram de celebrar os aniversários juntos e contou que ela e o marido Freddy provavelmente só sobreviveram porque deixaram a festa por volta das 22h, antes do início do tiroteio. O seu irmão Melvin e a sua mãe Joana foram mortos, assim como a sua cunhada Mayra e seu outro irmão Jose Gutierrez. As outras duas vítimas eram irmãos de Mayra, Sandra e José Ibarra. O suspeito seria namorado de Sandra que, segundo familiares, era um homem “quieto”, “sério” e que nunca andava armado. As fontes também afirmaram que não parecia haver nada de errado entre o casal. O jornal The New York Post divulgou uma foto das seis vítimas:

Tiroteios nos Estados Unidos

Com o incidente no Colorado deste domingo, 9, os Estados Unidos chegaram ao total de 194 tiroteios em massa e 992 vítimas por esse tipo de crime desde o início de 2021. O levantamento foi feito pela entidade não governamental The Gun Violence Archive, que contabiliza como sendo “tiroteios em massa” os casos em que pelo menos quatro pessoas ficam feridas. Os números representam uma média de três ataques a cada dois dias e uma média de 5 vítimas por ataque. Os cinco estados do país que mais reportaram crimes dessa natureza até agora foram o Texas (18), Illinois (17), Louisiana (15), Califórnia (14) e Flórida (14). Foram contabilizados mais de 600 tiroteios em massa em 2020 e 417 em 2019. O aumento nesse índice e nas vendas de armas no país levou o presidente Joe Biden a chamar a violência armada nos Estados Unidos de “epidemia” e “constrangimento nacional”, além de anunciar algumas medidas que dificultam o acesso às chamadas “armas fantasma”.