Furacão Delta ganha força no Golfo do México e se dirige aos Estados Unidos

O fenômeno já causou inundações e prejuízos econômicos na península de Yucatán, no México, e está indo agora em direção ao estado de Louisiana

  • Por Jovem Pan
  • 09/10/2020 13h25
REUTERS/Jorge DelgadoHomem remove guarda-sóis em praia de Cancún pouco antes da chegada do furacão Delta

Na madrugada desta quinta-feira (8), o furacão Delta voltou a ganhar força após passar pela Península de Yucatán, no México. Segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês), o fenômeno se manteve na categoria 2 de uma escala que vai de 1 a 5, sendo esta última a mais destrutiva. O furacão se aproxima da costa dos Estados Unidos a uma velocidade de 21km/h, de forma que o instituto estima que ele deve chegar em Louisiana entre sexta-feira e sábado.

A região já se prepara para o impacto. O governador do estado, John Bel Edwards, declarou estado de emergência na terça-feira passada (6). Porém, a tendência é que ele se enfraqueça até chegar em solo norte-americano. Na quarta-feira (7), quando o furacão alcançou a cidade de Puerto Morelos, próxima a Cancún, várias construções foram destruídas. Felizmente, não houve nenhum registro de vítimas.

*Com informações da EFE