Furacão Iota destrói 98% das estruturas de ilha na Colômbia

Passagem do furacão de categoria 5 devastou estruturas da ilha de Providência, que fica a 700 quilômetros da parte continental do país e abriga 5 mil habitantes

  • Por Jovem Pan
  • 16/11/2020 22h00
Reprodução/Twitter @NHC_AtlanticFuracão Iota

A ilha de Providência, que pertence à Colômbia, foi duramente atingida pela passagem do Furacão Iota. O fenômeno, de categoria 5 na escala Saffir-Simpson, atingiu o local nesta segunda-feira, 16, e causou ao menos uma morte. Além da vítima fatal, segundo Ivan Duque, presidente do país, os ventos causados pela passagem do furacão destruíram 98% das estruturas da ilha. Ele explicou que os danos foram contabilizados pelo prefeito da ilha, Jorge Norbeto Gari Hooker. No começo desta segunda, os serviços de comunicação da ilha ficaram indisponíveis por cerca de 14 horas. “Há danos máximos de infraestrutura. Estamos falando de estragos em cerca de 98% das infraestruturas da ilha de Providência. O prefeito nos relatou que foi confirmada por enquanto apenas uma morte”, disse o presidente.

A ilha tem 17 quilômetros quadrados, está localizada a 700 quilômetros da parte continental do país e pertence ao arquipélago de San Andrés, Providencia e Santa Catalina. Aproximadamente 5 mil pessoas vivem na ilha. A expectativa do presidente colombiano é de enviar ajuda humanitária ao local até terça-feira, 17. A prefeitura da cidade está limpando as vias e a pista do aeroporto de El Embrujo para poder retomar os voos para o local.

*Com informações da EFE