Joe Biden visitará local de desabamento de prédio em Miami na quinta-feira

Equipes de resgate continuam em busca de sobreviventes nos escombros do edifício localizado em Surfside; até o momento, 150 pessoas estão desaparecidas

  • 29/06/2021 18h09 - Atualizado em 29/06/2021 19h55
EFE/EPA/CRISTOBAL HERRERA-ULASHKEVICHEquipes de resgate ainda buscam 150 pessoas

A equipe de comunicação do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta terça-feira, 29, que o democrata e a primeira-dama do país, Jill Biden, irão até o local do desabamento parcial de um prédio em Surfside, no condado de Miami-Dade, na próxima quinta-feira, 1º, para conversar com bombeiros e familiares de vítimas. “Eles querem agradecer aos heroicos socorristas e times de resgate e a todos que trabalharam incansavelmente dia e noite, assim como encontrar famílias que encaram essa terrível tragédia, esperando em meio à angústia por notícias dos seus entes queridos”, afirmou a secretária de imprensa da presidência, Jen Psaki, em coletiva na Casa Branca. Segundo ela, a visita está sendo organizada para ocorrer de forma que não prejudique os trabalhos de resgate no local do desabamento.

Até o momento, o governo federal dos Estados Unidos enviou 50 agentes ao local do acidente para investigar o ocorrido e somar à força-tarefa de resgate que tenta há seis dias encontrar sobreviventes nos escombros. Até agora, 11 corpos foram resgatados do local e 150 pessoas continuam desaparecidas. Mais de uma tonelada de concreto foi tirada do escombros até o momento e as equipes de resgate, formadas por mais de 200 pessoas, contam com auxílios de profissionais do Chile e de Israel, especialistas em resgates em escombros. Equipamentos como câmeras térmicas e sonares são utilizados na busca por sobreviventes. Apesar do acidente completar uma semana nesta quarta, representantes governamentais continuam com discurso otimista para encontrar sobreviventes.