Nova York pagará equivalente a R$ 500 para quem se vacinar contra a Covid-19

Cidade tem 65,5% da população adulta imunizada e distribuição de vacinas é livre para todos aqueles com mais de 12 anos

  • Por Jovem Pan
  • 28/07/2021 15h12 - Atualizado em 28/07/2021 18h51
EFE/Lenin Nolly/ArchivoNova York vai dar dinheiro aos que se vacinarem com primeira dose

Tentando aumentar a taxa de imunizados na cidade, o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, anunciou nesta quarta-feira, 28, que aqueles que tomarem a primeira dose da vacina contra a Covid-19 a partir desta sexta-feira, 30, receberão um incentivo de US$ 100 (equivalente a R$ 517) em uma espécie de cartão de débito pré-pago. Até o momento, 54,4% de toda a população da cidade recebeu pelo menos uma dose da vacina, número que sobe para 65,5% se considerados apenas os adultos. Esta é somente uma das muitas políticas de incentivo para vacinação na região, que oferece imunizantes para todos aqueles acima dos 12 anos. Outros estados do país já deram lanches gratuitos, prêmios em dinheiro e até mesmo bilhetes de loteria para aqueles que escolhessem se imunizar.

A oferta em dinheiro foi anunciada no momento em que os Estados Unidos veem um aumento de casos por causa da variante Delta da Covid-19, mais contagiosa do que as cepas anteriores, e vivencia uma nova onda da doença entre aqueles não imunizados. Nova York está entre os 20 estados com maior número de vacinados, mas, em algumas partes do país, como no Mississippi, menos de 50% da população aderiu ao imunizante. Alguns especialistas desconfiam que a recompensa em dinheiro para aqueles que se imunizarem com a primeira dose em Nova York é uma forma da cidade evitar impor uma nova obrigatoriedade do uso de máscaras entre os vacinados. Nesta terça-feira, 27, o Centro de Controle de Doenças voltou a recomendar o uso do equipamento de segurança para diminuir os contágios no país.