Onda de frio congela boa parte dos Estados Unidos

  • Por Agencia EFE
  • 06/01/2014 14h19

Washington, 6 jan (EFE).- Desde Wisconsin a Dakota do Norte os americanos amanheceram nesta segunda-feira envolvidos por uma frente ártica com temperaturas que, ajudadas pelo vento, chegam perto de 45 graus negativos.

O Serviço Meteorológico Nacional previu para hoje 36 graus negativos em Fargo (Dakota do Norte), 29 graus negativos em Madison (Wisconsin), e por volta dos 26 negativos em Minneapolis (Minnesota), Indianápolis (Indiana), e Chicago (Illinois).

O que os meteorologistas descreveram como “vórtice polar”, que inclui ventos fortes em partes do norte das Planícies e no Meio Oeste, levou as temperaturas mais baixas em décadas também ao sul como Atlanta (Geórgia) e Nashville (Tennessee).

Em mais de duas décadas, o Serviço Meteorológico Nacional não registrou temperaturas tão baixas nestas regiões como as de agora. As autoridades advertem sobre o perigo de hipotermia e lesões por congelamento na pele quando o efeito térmico é de, pelo menos, 25 graus negativos.

O prefeito de Indianápolis, Greg Ballard, elevou ao máximo as advertências de emergência no trânsito, e proibiu a direção de veículos a menos que seja por uma situação grave ou para buscar abrigo.

Em outras partes do país, as autoridades insistem para os que viajam de carro carregarem as baterias dos telefones celulares e que estejam munidos de kits de emergência, cobertores e alguns mantimentos. EFE