PSDB anuncia oposição ao governo de Bolsonaro e começa a discutir possibilidade de impeachment

Em nota, partido afirmou que brasileiros querem que o presidente mostre soluções para os problemas do país, citando a pandemia, a inflação e a crise hídrica

  • Por Jovem Pan
  • 08/09/2021 19h26
BRUNO ROCHA/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO - 23/02/2021 Um dos principais nomes do PSDB nos últimos anos, João Doria é crítico do trabalho de Bolsonaro como presidente

Um dia após a realização de atos a favor do presidente Jair Bolsonaro, o PSDB anunciou que passará a fazer oposição ao governo. A informação foi divulgada pelo partido nesta quarta-feira, 8. Além de confirmar o novo posicionamento, o partido anunciou que começou a discutir internamente se Bolsonaro cometeu ou não crimes de responsabilidade e a possibilidade de um pedido de impeachment contra ele. “Com a participação da Executiva e das bancadas na Câmara e Senado iniciamos o processo interno de discussão sobre crimes de responsabilidade cometidos pelo presidente da República. O primeiro passo foi o debate aberto ocorrido hoje e agora será aprofundado pelas bancadas do Congresso Nacional”, diz a nota.    Em outro momento, o comunicado diz que os brasileiros querem soluções para problemas do país, citando a pandemia de Covid-19, o desemprego, a inflação e a crise hídrica que atinge o país. “A democracia brasileira permitiu que milhares fossem às ruas no dia de ontem defender suas ideias. Mas também defendemos os milhões que ficaram em casa e querem um Brasil que possa superar a crise”, finalizou o PSDB.