Vice de Filipe Sabará desiste de candidatura à prefeitura de São Paulo

A renúncia de Marina Helena foi feita depois que o candidato à prefeitura de São Paulo, Filipe Sabará, foi expulso do Partido Novo por inconsistências no currículo

  • Por Jovem Pan
  • 24/10/2020 22h51
DANIEL TEIXEIRA/ESTADÃO CONTEÚDOMarina Helena posa ao lado de Filipe Sabará durante evento do Partido Novo em setembro

Neste sábado (24), Marina Helena anunciou a sua renúncia à candidatura como vice-prefeita de São Paulo pelo Partido Novo. A declaração foi feita um dia depois da direção executiva nacional da chapa pedir a suspensão de Filipe Sabará como candidato à prefeito por supostas inconsistências no seu currículo. Como a Justiça ainda não se manifestou, Sabará continua fazendo campanha. “Eu me dediquei de corpo e alma nos últimos oito meses a estudar São Paulo e encontrar soluções reais para a cidade. Infelizmente, dado os últimos acontecimentos, eu não vejo mais ser possível implementar essa agenda. Por isso, eu renuncio a minha candidatura à vice-prefeitura”, disse Marina em um vídeo publicado em suas redes sociais.

Filiada ao Partido Novo desde 2018, a economista foi Diretora do Programa de Desestatização na Secretaria de Desestatização do Ministério da Economia, a convite do ministro Paulo Guedes, com quem já tinha trabalhado no setor privado. Em sua declaração, Marina agradeceu Filipe Sabará e disse que, apesar de existirem diferenças entre eles e o Novo, “eles compartilham o mesmo propósito que me trouxe à política, que é transformar a vida das pessoas”.

*Com informações do Estadão Conteúdo