Vereador de Goiânia pede e leva golpes de cinto na Câmara; veja vídeo

Sargento Novandir também usou roupa de palhaço, fez malabares e colocou arma em cima da tribuna ao criticar prefeitura da cidade

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2022 18h40 - Atualizado em 02/02/2022 18h56
Reprodução / TV Câmara de Goiânia Vereador pede e leva golpes de cinto na Câmara Municipal de Goiânia Vereador Sargento Novandir pediu desculpas aos cidadãos e se disse enganado pela Prefeitura de Goiânia

O vereador de Goiânia Sargento Novandir (sem partido) usou roupa de palhaço, colocou uma pistola sobre a tribuna e pediu para um colega lhe dar chibatadas de cinto na terça, 1, ao discursar no plenário da casa legislativa. Novandir dizia ter sido enganado pela prefeitura da cidade em uma votação do Código Tributário que incluía reajuste do IPTU. O vereador afirmou que o secretário de finanças do município, Geraldo Lourenço mentiu para ele quanto à votação, disse que Lourenço “deveria voltar para Brasília” por estar atrapalhando Goiânia e que procuraria uma forma de revogar a lei, que causou um aumento no imposto.

No início do discurso, uma narração anunciou a entrada de Novandir em tom jocoso. “Atenção, senhoras e senhores, respeitável público, prazerosamente, carinhosamente, apresenta o vereador sargento Novandir, no qual foi humilhado, enganado e feito de palhaço”. Novandir, com nariz de palhaço e fazendo malabares, começou a falar. No final, relembrou outra ocasião em que levou o cinto para o plenário. “Teve uma vez que eu tirei um cinto aqui e disse que um vereador merecia levar um couro de cinto. Ele merecia um couro de cinto. E o senhor também”, disse. Na sequência, disse que ele próprio merecia apanhar como punição e pediu que um colega batesse nele com o cinto. O vereador Ronilson Reis (Podemos) se aproxima e aplica as chibatadas de maneira leve, enquanto Novandir deixa a arma sobre a tribuna. “Vou guardar aqui a minha arma. E é para dar cintada mesmo, vereador. Dá com força. Dá com força”, pediu o sargento da Polícia Militar, logo antes de encerrar o discurso. Confira o vídeo das cintadas – basta dar play, e volte alguns minutos para ver o discurso inteiro.