Ministro da Educação, Milton Ribeiro é o entrevistado do ‘Direto ao Ponto’ desta segunda-feira

Programa comandado por Augusto Nunes vai ao ar a partir das 21h30 pelo canal Jovem Pan News, no YouTube, e pelo Panflix

  • Por Jovem Pan
  • 20/08/2021 15h26
DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO - 26/02/2021Ribeiro foi anunciado como comandante da pasta em julho de 2020

Milton Ribeiro, ministro da Educação do governo Bolsonaro, será o entrevistado do programa “Direto ao Ponto”, da Jovem Pan, desta segunda-feira, 23. Ele foi anunciado como comandante da pasta em julho de 2020, após a polêmica passagem de Abraham Weintraub e a breve estadia de Carlos Decotelli, que foi nomeado mas não chegou a ser empossado. Membro da Comissão de Ética Pública da Presidência, Ribeiro é ligado à Universidade Presbiteriana Mackenzie. Em seu currículo consta a informação de que possui doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (USP), além de ter mestrado em Direito Constitucional pelo Mackenzie. Bacharel em Teologia, ele também é pastor da Igreja Presbiteriana de Santos, no litoral de São Paulo, além de 2º tenente de Infantaria do Exército Brasileiro. O ministro assumiu a pasta em meio à suspensão das aulas em todo o Brasil, provocada pela pandemia do novo coronavírus e o adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Em seu discurso de posse, Ribeiro defendeu o ensino público e criticou o que chamou de “políticas e filosofias educacionais equivocadas”. O ministro será sabatinado ao vivo e de forma presencial pelo apresentador Augusto Nunes, a apresentadora do Tá Explicado, da Jovem Pan, Livia Zanolini, o editor-assistente da Revista Oeste Cristyan Costa, o editor da Veja São Paulo Pedro Carvalho e a repórter de educação da Folha de S. Paulo Isabela Palhares.

A prestigiada sabatina semanal da Jovem Pan já recebeu outros ministros do governo Bolsonaro, como o da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner Rosário, a da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, e o da Cidadania, João Roma (Republicanos-BA). Também passaram pelo programa nomes como o senador Marcos Rogério, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, o cabo Anselmo, líder da Revolta dos Marinheiros, e a deputada federal Bia Kicis (PSL). Na última segunda-feira, 16, o “Direto ao Ponto” recebeu o General Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), que comentou sobre o acionamento do artigo 142 da Constituição, que versa sobre a interferência das Forças Armadas no país para garantir os poderes constitucionais. “Na situação atual não acredito que haverá intervenção. Estão acontecendo provocações, de uma parte e outra parte, isso não é aconselhável porque cria um clima tenso entre os poderes. Acho importante criarmos um ponto de equilíbrio e o cuidado de não cometer excessos. A intervenção poderia acontecer em momento mais grave”, disse. “Mas se ele (artigo) existe no texto constitucional, é sinal de que pode ser usado”, completou.