Em vídeo, homem apanha e leva choques após supostamente furtar supermercado Extra

  • Por Jovem Pan
  • 20/09/2019 09h26
DivulgaçãoSupermercado afirmou que o funcionário foi desligado

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um homem apanhando e levando choques após supostamente ter furtado o supermercado Extra Morumbi, na Zona Sul de São Paulo. Nas imagens, que são fortes, é possível ver seguranças da empresa desferindo golpes contra o homem com um cabo de vassoura e usando uma arma de choque.

Durante a tortura, o homem, que está com uma corda na boca e com as calças abaixadas, chora. Os torturadores pedem para que ele repita “galera, não rouba mais no Extra Morumbi”. Depois, pedem para que ele diga: “Eu errei e me ferrei”.

Em nota, o Extra afirmou que o caso aconteceu em março de 2018 e que o “colaborador envolvido foi imediatamente afastado”. Após a apuração, ele foi desligado, assim como a empresa de segurança, que deixou as operações da loja. Confira:

“O Extra iniciou as apurações internas assim que tomou conhecimento do conteúdo das imagens. A empresa de segurança preventiva já fez um B.O. O colaborador envolvido foi imediatamente afastado quando tivemos conhecimento do conteúdo. E, hoje, depois de avaliada a conclusão parcial das apurações iniciais, ele foi desligado. A empresa de segurança e os seguranças envolvidos foram afastados das operações da loja quando tivemos conhecimento do conteúdo dos vídeos. As apurações preliminares indicam que o ocorrido foi em março de 2018, na loja do Extra Morumbi.”

Mais um caso

Outro caso semelhante em São Paulo veio à tona no mês passado. Em um vídeo, dois seguranças do supermercado Ricoy, na Zona Sul, aparecem chicoteando um jovem de 17 anos, após ele supostamente ter tentado furtar uma barra de chocolate. As imagens mostram o rapaz aparece nu, com as mãos amarradas e a boca amordaçada enquanto era torturado.