Imóvel na região da Luz deve ser desocupado em um prazo de 48h por risco iminente

  • Por Jovem Pan
  • 20/07/2017 10h31
A Justiça acatou o pedido do MP e deu 48 horas para que o imóvel fosse desocupado

Um imóvel na região da Luz foi tombado pela Prefeitura de São Paulo e deve ser desocupado em até 48 horas por falta de manutenção.

Localizado próximo a estação da Luz e projetado pelo arquiteto Ramos de Azevedo, o prédio já estava há cinco anos sob a mira do Ministério Público.

Em 2012 foi acordado um termo de ajustamento de conduta para que os proprietários fizessem reformas no edifício, mas o Ministério Público entendeu que nada disso foi realizado e informou à Justiça que há risco iminente e pediu sua interdição.

A Justiça acatou o pedido e deu 48 horas para que o imóvel fosse desocupado. Isso deve ocorrer até, no máximo segunda-feira, caso nada seja feito.

Confira as informações do repórter Tiago Muniz: