Indústria da Construção Civil mantém retomada e geração de empregos

De acordo com a Confederação Nacional das Indústrias, alta ocorre pelo 3º mês consecutivo

  • Por Jovem Pan
  • 25/11/2020 07h14
Elza Fiúza/Agência BrasilO setor imobiliário recupera espaço diante da Selic mais baixa da história, em 2%, com impacto direto nas prestações

A indústria da Construção Civil mantém a trajetória de retomada econômica e geração de empregos. É o que explica o gerente de Análise Econômica da Confederação Nacional das Indústrias, Marcelo Azevedo. “A sondagem da indústria de construção mostrou nova recuperação do nível de atividades do setor. Ela já vinha acontecendo desde maio, depois da forte queda da atividade que se teve em março e abril, e nos últimos três meses foi especialmente disseminada e forte no setor. É um aumento de atividades bastante positivo.”

“Esse aumento nos últimos meses vem se refletindo na criação de empregos. Em outubro, foi bastante forte e disseminado, vindo do aumento da atividade. O que é uma excelente notícia porque emprega bastante e ajuda na recuperação da atividade econômica”, completa. A CNI coloca que a alta ocorre pelo 3º mês consecutivo. O setor imobiliário recupera espaço diante da Selic mais baixa da história, em 2%, com impacto direto nas prestações e maior oferta de crédito — além dos canteiros de obras que não foram paralisados na pandemia.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos