Pence e Kamala mantêm civilidade em debate de vices nos Estados Unidos

O encontro ganhou maior importância depois que Donald Trump contraiu a Covid-19 e o próximo confronto com Joe Biden está incerto

  • Por Jovem Pan
  • 08/10/2020 05h35 - Atualizado em 08/10/2020 08h45
EFE/EPA/Morry Gash / POOLA senadora pela Califórnia criticou a resposta da Casa Branca à pandemia e disse que a gravidade da situação foi minimizada

Mike Pence e Kamala Harris trocaram acusações no primeiro e único debate entre os candidatos a vice-presidente dos Estados Unidos. O encontro ganhou maior importância depois que Donald Trump contraiu a Covid-19 e o próximo confronto com Joe Biden no dia 15 de outubro está incerto. Os candidatos ficaram distanciados e painéis de acrílico foram colocados. A senadora pela Califórnia criticou a resposta da Casa Branca à pandemia e disse que a gravidade da situação foi minimizada. Pence rebateu e garantiu que, desde o primeiro dia, o republicano colocou a saúde do país em primeiro lugar, inclusive barrando viagens para a China.

Kamala Harris afirmou que Joe Biden é transparente, inclusive, sobre a saúde dele e as contas. Citando uma reportagem do jornal The News York Times, ela disse que Trump passou anos sem pagar impostos. Mike Pence destacou que os Estados Unidos tem um “presidente empresário”, que criou milhares de empregos. O vice de Trump reforçou várias vezes que a chapa da democrata quer aumentar impostos, o que a senodora negou. Pence disse que a China e a Organização Mundial da Saúde (OMS) precisam ser responsabilizadas pela pandemia. Kamala Harris não detalhou a questão, mas garantiu que os aliados dos Estados Unidos respeitam mais o presidente chinês, Xi Jinping, do que Donald Trump.

Em relação ao meio ambiente, o vice-presidente disse que, com Joe Biden, o país vai voltar ao Acordo de Paris, que, segundo ele, retirou empregos. A senadora retrucou afirmando que Trump minimizou os estudos científicos e que Biden vai investir em energia renovável, criando novos postos de trabalho. Pence foi questionado se ele aceitaria o resultado caso perdesse a eleição; assim como Trump, ele se recusou a dizer o que faria. Os candidatos também tocaram em temas como a questão racial, o aborto, sucessão na Suprema Corte e política externa. Trump e Biden usaram as redes sociais para demonstrar apoiar aos candidatos. Um fato curioso que chamou a atenção dos espectadores é que uma mosca ficou na cabeça de Mike Pence por mais de dois minutos. O assunto ganhou as redes sociais.

*Com informações do repórter Afonso Marangoni