Polícia revela suspeitos de render piloto de helicóptero durante voo no RJ

Bandidos queriam resgatar presos do presídio de Bangu, na zona oeste da cidade

  • Por Jovem Pan
  • 23/09/2021 08h09 - Atualizado em 23/09/2021 10h11
Reprodução/Twitter/@rmotta2Na internet, circula um vídeo que mostra o momento em que a aeronave parece estar descontrolada, quando o piloto estava sendo rendido pelos bandidos

A Polícia Civil do Rio de Janeiro conseguiu identificar os dois criminosos que renderam um piloto de helicóptero durante um voo particular no último domingo, 19. Marcos da Silva e Cauã Costa da Silva, que fazem parte de uma quadrilha de Niterói, na região metropolitana do Rio, queriam o controle da aeronave para tentar ir até o presídio de Bangu, na zona oeste, e tentar resgatar alguns traficantes. Eles foram identificados por meio de imagens de câmeras de segurança do momento em que o piloto do helicóptero, Adônis Lopes, fazia o abastecimento da aeronave. A investigação também indica que eles tinham a intenção de resgatar mais de um preso, já que teriam solicitado um helicóptero com capacidade para cinco pessoas. Concluída a primeira etapa da investigação, as polícias civil e militar têm trabalhado para realizar a prisão dos dois bandidos.

*Com informações do repórter Mateus Koelzer