Príncipe Harry foi questionado por parente sobre ‘quão escura seria a pele do seu filho’

Meghan Markle contou ter sofrido com pensamentos suicidas por conta do clima pesado enfrentado

  • Por Ulisses Neto/Jovem Pan
  • 08/03/2021 06h40 - Atualizado em 08/03/2021 12h00
CBS/Reuters/05.03.2021O príncipe declarou ter se desapontado com o pai, o príncipe Charles, que é o futuro rei da Grã Bretanha

O grande destaque do dia na imprensa britânica é a entrevista concedida por Meghan Markle e Harry à apresentadora Oprah Winfrey. O conteúdo do programa de duas horas exibido no domingo, 7, na TV americana foi pior que o antecipado. A entrevista será exibida nesta segunda-feira, 8, à noite na Inglaterra — mas todos os sites de notícias destacam as acusações feitas pelo casal. Meghan revelou um ambiente de forte hostilidade contra ela no Palácio de Buckingham.

A duquesa de Sussex contou ter sofrido, inclusive, com pensamentos suicidas por conta do clima pesado que enfrentou na Inglaterra. Ela chegou a dizer que não queria mais estar viva. O príncipe Harry, por sua vez, declarou ter sido questionado por um parente sobre o quão escura seria a pele do filho dele. Archie, o primogênito do casal, não recebeu o título de príncipe, que precisa ser concedido pela rainha — que também é um problema para o casal. Harry reclamou não ter recebido apoio de nenhum integrante da família real quando os tabloides usaram termos racistas contra Meghan.

O príncipe declarou ter se desapontado com o pai, o príncipe Charles, que é o futuro rei da Grã Bretanha. Ele ainda demonstrou ter se distanciado do irmão, o príncipe William, ao dizer que os dois seguiram caminhos diferentes. O casal, no entanto, não fez acusações diretas a nenhum integrante específico da Família Real, mas sim contra a instituição. Os dois descreveram parentes aprisionados dentro de um sistema rígido e perverso. E os efeitos destas declarações não serão pequenos. Os Windsor voltam a enfrentar um período de questionamentos da sociedade britânica. Renovar a popularidade com os britânicos e mundo afora será um novo desafio para o longo reinado de Elizabeth II.