RJ: Escolas particulares poderão reabrir a partir do dia 14; rede pública deve voltar em outubro

Levantamento mostra que cerca de 92% da população fluminense está em uma área de baixo risco de transmissão e contágio pelo coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 20/08/2020 09h23 - Atualizado em 20/08/2020 09h25
EFE/EPA/FELIPE TRUEBA As aulas estão suspensas desde o início da pandemia da Covid-19, em março deste ano

As aulas presenciais nas escolas privadas do Estado do Rio de Janeiro estão previstas para serem retomadas em 14 de setembro. Enquanto isso, na rede pública, o ensino presencial deve voltar apenas em 5 de outubro. As aulas estão suspensas desde o início da pandemia da Covid-19, em março deste ano. A retomada das aulas presenciais também vale para as aulas do ensino superior, valendo para universidades públicas e privados do estado. No entanto, tudo isso depende do baixo risco de contágio da doença, equivalente a bandeira amarela no Rio de Janeiro. Segundo o monitoramento feito pelo governo estadual, sete das nove regiões fluminenses se encontram em nível baixo de transmissão. O levantamento do governo estadual fala que cerca de 92% da população está em uma área de baixo risco de transmissão e contágio pelo coronavírus. A prefeitura do Rio de Janeiro chegou a autorizar a retomada no ensino privado recentemente, mas, além da baixa adesão, houve decisões da Justiça proibindo o reinício das aulas particulares.

Decreto fluminense autoriza ainda a retomada das atividades culturais ao ar livre e a volta do funcionamento dos cinemas com 40% da ocupação. Há também a previsão da reabertura de salas de teatro com capacidade máxima de um terço de público. Nesta quarta-feira, o RJ ultrapassou a marca de 200 mil casos da Covid-19 e se aproxima dos 15 mil óbitos pela doença registrados. Mesmo assim, nesta quinta-feira, dois hospitais de campanha serão desativados, sendo um deles administrado pela iniciativa privada e outro pelo governo do Estado.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga