Especialista dá dicas de como manter saúde mental na rotina: ‘Ninguém se perde na vida do nada’

Em entrevista ao Pânico, Leo Fraiman listou hábitos como regulagem do sono, controle do uso do celular e hidratação como ferramentas importantes para o cuidado mental

  • Por Jovem Pan
  • 16/12/2021 16h18
Reprodução/PânicoLeo Fraiman foi o convidado do programa Pânico desta quinta-feira, 16

Nesta quinta-feira, 16, o programa Pânico recebeu o psicoterapeuta e palestrante Leo Fraiman. Em entrevista, ele falou sobre os hábitos do dia a dia e sua influência na saúde mental. “A saúde e a doença são sempre uma construção do tempo e sempre um conjunto de fatores. Ninguém brilha e ninguém se perde na vida do nada. Boa qualidade de sono, deixar o telefone longe de você por pelo menos uma hora antes de dormir, aprender a fazer pausas, beber água. Se não tomar boa quantidade de água, você vai ficar fraco. Você toma piores decisões, não vê consequências”, disse.

Fraiman ainda associou a saúde mental à saúde física. Segundo ele, o sedentarismo pode implicar diretamente nos hábitos saudáveis do dia a dia. “Hoje é consenso científico, saúde mental é saúde física. Se você é sedentário, vai ser difícil você dormir bem, fazer amor bem. A energia, o músculo produz HTP”, disse. O psicoterapeuta também alertou para o perdão: “Saúde mental é saber perdoar e entender o outro. Aquelas pessoas que tem certeza de tudo… Toda onipotência tenta compensar uma impotência.”

Confira na íntegra a entrevista com Leo Fraiman: