Leo Dias: Criador do Miss Bumbum já emplacou 10 participantes em A Fazenda

Ao Tô na Pan, Cacau Oliver falou sobre Raissa Oliveira e comparações com Andressa Urach

  • Por Jovem Pan
  • 09/10/2020 12h50 - Atualizado em 09/10/2020 15h18
Reprodução/Instagram/raissabarbosaoficialRaissa Barbosa é ex-vice Miss Bumbum, assim como Andressa Urach =

Cacau Oliver é a mente por trás do Miss Bumbum, concurso que premiou as modelos com os bumbuns mais avantajados do Brasil e foi o responsável por emplacar diversos nomes em A Fazenda, incluindo Andressa Urach e Raissa Barbosa. Em entrevista ao Tô na Pan desta sexta-feira (9), o empresário revelou que ao menos 10 ex-misses do seu concurso já passaram pelo reality show. “De nomes conhecidos, a Joana Machado [vencedora de A Fazenda 4], a Andressa, Raissa. Teve uma edição de Verão que foram mais uns quatro ou cinco nomes não tão conhecidos. No total, foram umas 10 pessoas [que indiquei]”, contou a Leo Dias e Ligia Mendes.

Cacau afastou as comparações entre Urach e Raissa, que, segundo ele, não têm nada a ver uma com a outra. “Não acho que tenha muita coisa a ver elas duas, mas ambas tiveram histórias muito semelhantes antes de entrar no reality e eu dei algumas instruções porque sei que é um jogo”, disse. Ele contou que recebeu uma ligação de Raissa um dia antes do confinamento querendo desistir de tudo, caso semelhante ao de Andressa, mas com outro programa. “Ela iria entrar no BBB, chegou a ficar hospedada no hotel, e ficou muito triste porque não entrou”. Fora da Globo, Cacau levou Urach para fazer um ensaio fotográfico nos Estados Unido e, dias depois, ela recebeu o convite para a Fazenda.

Oliver está confiante nas chances de Raissa dentro do jogo. “Eu falei para ela que existem dois tipos de vencedores: quem ganha o reality e os que ganham aqui fora. A Bárbara ganhou, mas a Andressa fez muito mais dinheiro depois”. Trabalhando com celebridades há 17 anos, o empresário diz que todo mundo pode ser famoso, é só saber explorar esse lado. “Todos têm algo para mostrar e a fama é um caminho, uma jornada. Eu sei o perfil de todas essas figuras que vão para os realities, sei o que vai funcionar porque é fruto de muito trabalho e pesquisa.”

Assista ao Tô na Pan: