MC Gui gera polêmica por fazer festa de aniversário com aglomeração na pandemia

Cantor está sendo muito criticado nas redes sociais; pai do artista se pronunciou sobre o assunto

  • Por Jovem Pan
  • 20/05/2021 13h25
Reprodução/Instagram/mcgui/20.05.2021MC Gui comemorou seu aniversário com uma festa em São Paulo

O cantor MC Gui está sendo criticado nas redes sociais por ter feito uma festa de aniversário com aglomeração em meio a pandemia da Covid-19. Registros da comemoração dos 23 anos do artista, que aconteceu na noite de quarta-feira, 19, em São Paulo, foram postados em stories do Instagram e logo apagados, porém alguns seguidores salvaram os vídeos e compartilharam nas redes sociais. O nome do funkeiro está entre os assuntos mais comentados do Twitter nesta quinta-feira, 20, e muitos seguidores estão lamentando o fato do artista ignorar as mais 440 mil mortes no Brasil pelo vírus. “Mc Gui fez festa de aniversário com aproximadamente 500 pessoas, aí fica a questão. Vacinados? Quarentena acabou? Fod* isso, né? Aí quando morre alguém são os primeiros a colocar luto, hipocrisia reina”, escreveu um seguidor. “Mc Gui sendo cancelado pela 82194758º vez por estar aglomerando na pandemia”, comentou outro. “Já passamos da marca dos 440 mil mortos e o MC Gui fazendo festa com mais de 500 pessoas… Cadê a responsabilidade? Cadê a noção? Hipocrisia reina ali”, acrescentou mais um.

Rogério da Silva Alves, pai de MC Gui, comentou sobre o assunto em post do Instagram no qual o filho foi criticado por fazer a festa: “Fizemos uma confraternização de aniversário, tudo dentro das regras, poucos convidados, todos testados na entrada. Terminamos a nossa confraternização às 21h, como manda o decreto, com 25% da capacidade. O que está errado?”. Vale lembrar que essa não é a primeira vez que o funkeiro se envolve em polêmica por ser acusado de não respeitar as medidas de isolamento social. Em março deste ano, MC Gui foi com alguns influenciadores digitais a uma praia na região de Bertioga durante o lockdown. Procurada pela Jovem Pan, a Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura do município informou que o cantor e os demais envolvidos não tinham autorização para estar no local. Já em abril, MC Gui foi flagrado em um cassino clandestino descoberto durante uma força-tarefa policial no bairro Vila Olímpia, em São Paulo.