Juiz analisará centenas de ações judiciais contra o festival Astroworld, de Travis Scott

Quase 300 ações foram abertas por participantes do evento que terminou com 10 mortos e centenas de feridos

  • Por Jovem Pan
  • 03/12/2021 22h50
ReproduçãoTravis Scott está entre os réus das ações

Advogados de vítimas e participantes do festival de música Astroworld, idealizado por Travis Scott, entraram em acordo com os organizadores do evento para as quase 300 ações judiciais contra o festival sejam analisadas por um único juiz. O anúncio foi realizado nesta sexta-feira, 3, evidenciando uma nova fase no processo. A apresentação do rapper em 5 de novembro deixou 10 pessoas mortas e dezenas de feridos. As partes chegaram a um acordo por considerarem que seria mais fácil lidar com as ações. “Esse tipo de litígio é exatamente o que o processo Texas MDL deve abordar”, disseram as partes em comunicado. Os processos judiciais acusam a empresa promoter Live Nation, o cantor e outros organizadores por negligência legal em como planejaram e conduziram o Astroworld.