Com Adriano à disposição, Atlético-PR recebe The Strongest pela Libertadores

  • Por Agencia EFE
  • 12/02/2014 18h02

Curitiba, 12 fev (EFE).- O Atlético Paranaense, que ficou perto da eliminação na fase preliminar da Taça Libertadores, estreará na fase de grupos do torneio continental nesta quinta-feira, quando receberá no estádio Durival de Britto o The Strongest, da Bolívia, já de olho na liderança de sua chave.

O Furacão enfrentou nas duas últimas semanas o Sporting Cristal. Primeiro perdeu em Lima por 2 a 1, e depois devolveu o placar em Curitiba. Nos pênaltis, foram necessárias sete cobranças de cada equipe para que o time paranaense levasse a melhor, por 5 a 4.

No grupo 1 da competição, o Atlético já pode virar líder se vencer por mais de um gol de diferença, ultrapassando o Vélez Sarsfield, que ontem derrotou fora de casa o Universitário, no Peru, por 1 a 0.

A atração da equipe treinada pelo técnico espanhol Miguel Ángel Portugal, poderá ser o atacante Adriano. Oficializado como reforço ontem, dois meses depois de iniciar período de treinos no clube, o ex-jogador da seleção brasileira, está à disposição para ficar no banco, apesar da cautela do comandante.

“Neste começo, vamos um pouco com calma e tranquilidade. Primeiro, vamos fazer com que ele possa entrar pouco a pouco e ajudar o time. Assim, mais para frente, ele vai poder nos ajudar muito mais ainda”, disse Portugal, em entrevista ao site do Furacão.

O treinador espanhol tem dois problemas para o jogo, o meia Zezinho, que está suspenso, e o atacante Marcelo, contundindo. Os substitutos deverão ser João Paulo e Bruno Mendes, respectivamente.

A Libertadores é o grande foco do Atlético na temporada, que repetiu a receita de 2013, poupando o elenco principal da disputa do Campeonato Paranaense, para utilizar uma equipe sub-23. Devido a isso, o clube vem acumulando resultados ruins na competição, mas no fim de semana, com alguns “reforços”, bateu o Coritiba por 3 a 0.

O The Strongest, que chegou na terça-feira a capital paranaense, conta mais uma vez com o meia-atacante e capitão Pablo Escobar, que conhece bem o futebol brasileiro, devido as passagens por Ipatinga e Santo André.

O técnico Eduardo Villegas, no entanto, chega com diversos desfalques, quatro deles, o goleiro Daniel Vaca, o zagueiro Abraham Cabrera e os meias Diego Bejarano e Walter Veizaga, suspensos por confrontos com jogadores do Nacional, do Paraguai, durante jogo da Copa Sul-Americana no ano passado.

Já o lateral Jair Torrico e o meia-atacante Alejandro Chumacero, que passou pelo Sport, ficam de fora por estarem contundidos. Com tantos problemas na escalação, o zagueiro Jefferson Lopes, recém-chegado do futebol japonês, deverá ser titular.

None

Possíveis escalações.

Atlético Paranaense: Weverton; Sueliton, Manoel, Cleberson e Natanael; Deivid, João Paulo, Paulinho Dias, Douglas Coutinho; Bruno Mendes (ou Fran Mérida) e Éderson. Técnico: Miguel Ángel Portugal.

The Strongest: Jemio; Parada, Jefferson Lopes, Barreira, Cristaldo; Soliz, Melgar, Castro e Ríos; Escobar e Alfaro. Técnico: Eduardo Villegas.

Árbitro: Daniel Fedorczuk (Uruguai), auxiliado pelos compatriotas Mauricio Espinoza e Gabriel Popovits.

Estádio: Durival de Britto, em Curitiba. EFE