Conmebol confirma 65 casos de Covid-19 relacionados à Copa América 

De acordo com o comunicado, 46 infecções correspondem aos prestadores de serviços contratados pela entidade, enquanto 19 são de jogadores ou membros das seleções

  • Por Jovem Pan
  • 17/06/2021 14h35 - Atualizado em 17/06/2021 16h37
Reprodução/Twitter/@FVF_OficialA seleção venezuela sofreu um surto de Covid-19 antes do início da Copa América

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) informou na tarde desta quinta-feira, 17, que já foram registrados 65 pessoas infectadas pelo novo coronavírus desde o início da Copa América — o torneio começou no último domingo, com a vitória do Brasil sobre a Venezuela, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. De acordo com o comunicado, 46 casos correspondem aos prestadores de serviços contratados pela entidade, enquanto 19 são de jogadores ou membros das seleções. Vale lembrar que, na última terça-feira, o Ministério da Saúde havia contabilizado 52 pessoas com Covid-19 relacionadas ao torneio. 

“A Conmebol está comprometida na aplicação do Protocolo de Recomendações Médicas para treinamentos, viagens e jogos durante a pandemia da Covid-19”, diz um trecho do comunicado. “Cabe recordar que a Conmebol é a única Confederação que continua firmemente com o seu plano de Vacinação contra a Covid-19 para pessoas que compõem a família do futebol”, completa a nota da entidade, que está sendo muito criticada pelo alto número de contaminados pelo novo coronavírus durante a realização do evento, que mudou de sede de “última hora” após as desistências de Colômbia e Argentina.